Codebits VI e o projecto PNS

Mais um codebits se passou!

Mais um ano cheio de coisas boas, boas talks, bons projetos, bons brindes…..

Este ano trouxe comigo o André Gil, Claudia Frutuoso e o Gonçalo Basto para fazer um projeto engraçado.

O Projeto chama-se PNS – Personal Notification System.

O conceito é simples, um device que pode ser adicionado a qualquer peça de vestuário ou acessório que permite uma ponte de comunicação entre o utilizador e o seu telemóvel via bluetooth.

Este device permite então interagir com o telemóvel sem ter de o retirar do bolso, o que pode ser útil durante a nossa sessão de jogging, uma reunião enquanto conduzimos ou até mesmo numa situação em que expor o nosso telemóvel em publico pode não ser a nossa intenção.

 

Desse modo podemos programar padrões em leds RGB que nos permitem identificar o que estamos a receber no nosso telemóvel: por exemplo um twitt, um post no facebook dirigido a nos, um SMS, uma chamada de uma determinada pessoa. Podemos também programar cada botão para executar uma ação no telemóvel. Assim podemos, rejeitar ou encaminhar uma chamada, enviar uma mensagem de volta a quem nos ligou a dizer que não podemos atender de momento, enviar um twitt ou post no foursquare com a nossa localização geográfica, podemos até programar um botão para verificar o estado do tempo na internet e mostrar numa sequencia de leds como estará o tempo.

O limite entre as coisas podemos fazer com este dispositivo e um smartphone é a imaginação.

Para que este serviço possa ser usado tanto por utilizadores avançados como basicos, por trás deve existir um pagina de uma comunidade de utilizadores onde seria possível colocar code snippets onde o utilizador pode fazer download desses snippets para o telemóvel e depois assigna-los ao nosso dispositivo.

Para a realização deste projeto usamos um telemóvel android, um arduino Uno, um modulo bluetooth e uma webapp feita com Ink.

Como é óbvio um dispositivo com estas características tem de ser pequeno e de fácil modularização e a versão final do nosso prototipo era tudo menos pequeno mas funcional!

Se estiverem interessados em saber mais acerca deste projeto não hesitem em contactar-me :)

 

Arduino + WebCam = Volumetria

Um dos projectos que tenho trabalhado ocasionalmente nos ultimos meses foi arranjar maneira de medir volumes com material “low-cost”!

Pensei no desafio e comecei a meter mãos ao trabalho e consegui resultados surpreendentes a usar um webcam comum e um arduino com um sensor.

Para começar vamos falar do hardware:

– Arduino + Sharp Distance Sensor GP2Y0A02 (20-150cm)  : Devo dizer que pensei que era o mais simples mas falhei redondamente.

Para conseguir resultados aceitaveis (cerca de 1 centimetro de desvio em distancias perto do limite do sensor) tive de seguir um conjunto de procedimentos manhosos isto porque o sensor tende a retornar montes de ruido e assim não temos resultados precisos.

Primeiro faço 10 leituras do valor e determino a media, seguindamente determinamos o limite superior e inferior de valores a partir desta primeira media, exluimos os valores que ultrapassam este valor capturamos mais uns 10 valores e fazemos a media de tudo.

Devo dizer que isto resultou muito bem

 

float GetAverage(float * _values, uint8_t size)
{
	float avg = 0;
	for(int i = 0; i< size; i++)
	{
		avg += _values[i];
	}
	avg = avg / size;

	float setMax = avg * 1.15;
	float setMin = avg * 0.85;
	float precisionAvg;
	int counter = 0;
	for(int i = 0; i < size; i++)
	{
		if((setMin < _values[i]) && (_values[i] < setMax))
		{
			precisionAvg += _values[i];
			counter++;
		}
	}
	return precisionAvg / counter;
}

Para conseguir volumetria usei a biblioteca Emgu e uns quantos filtros para conseguir encontrar os contornos do objecto com base numa mascara. Ou seja temos de ter uma mascara do ambiente de fundo para poder fazer a exclusão do que ja la estava e ficarmos apenas com o novo objecto na imagem. Usamos uns quantos truques de image processing, uns calculos trigonometricos e voilá aqui esta o resultado